Google+ Followers

Google+ Followers

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

HOJE

As filhas do Mondego a morte escura

Longo tempo chorando memoraram,

E, por memória eterna, em fonte pura

As lágrimas choradas transformaram

O nome lhe puseram, que inda dura,

Dos amores de Inês, que ali passaram.

Vede que fresca fonte rega as flores,

Que lágrimas são a água e o nome Amores.

INÊS é morta...7 janeiro 1355

Sem comentários: