Google+ Followers

Google+ Followers

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

AS USUAL

O governador do Banco de Portugal (BdP) dirigiu hoje palavras muito ríspidas ao deputado João Galamba, e ignorou o pedido de desculpas que o parlamentar socialista lhe exigiu.
Carlos Costa estava a ser ouvido nas comissões parlamentares do Orçamento, Finanças e Administração Pública sobre a proposta de lei de recapitalização da banca.
Numa discussão relativa à exposição da banca à dívida soberana portuguesa, o governador do BdP irritou-se com o deputado do PS, acusando-o de «má fé intelectual» num registo pouco habitual em audiências nas comissões parlamentares.
«Se não sabe o que é o 'crowding out', vá aprender!», disse o governador do BdP, num tom alterado, a Galamba.
Após as declarações de Carlos Costa, o presidente da comissão de Orçamento e Finanças, Eduardo Cabrita, notou que na discussão parlamentar «há regras de serenidade que a todos se aplicam e que espero sejam seguidas por todos».

1 comentário:

José Sousa e Silva disse...

Cedo aprendi que falar do que não se sabe é dar pouca importância ao assunto.