Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 28 de maio de 2014

MAIS UMA

"O ministro da Defesa nomeou uma comissão técnica que nos próximos três meses vai elaborar uma proposta para uma Rede Nacional de Roteiros de História Militar, que inclua as instalações militares com potencial de exploração turística.

Segundo um despacho publicado hoje em Diário da República, a equipa, que vai ser coordenada pela professora da Universidade Católica Joana Ortigão de Oliveira, deverá apresentar uma proposta à tutela no prazo de 75 dias, «no sentido de promover de forma integrada a gestão mais racional do património e dos recursos disponíveis ou a disponibilizar».
Dessa proposta deverá constar uma relação detalhada do património afeto ao Ministério da Defesa que «detenha vocação turística», para integrar «uma base de dados única do património com vocação para integrar a Rede Nacional de Roteiros de História Militar».
Esta comissão está ainda mandatada para criar «uma imagem e identidade institucionais» e desenvolver «propostas de caráter educativo e formativo que valorizem o conhecimento da História de Portugal».
Diário Digital com Lusa
Notas : 1- A Messe de cascais foi doada com termos testamentários explícitos.É melhor não perder tempo
           2- O Clube Militar Naval é dos sócios.É melhor não perder tempo
           3-As embarcações do CNOCA são dos sócios.É melhor não perder tempo
Há a Sagres, o Palácio do Allfeite, o Museu de Marinha, o edifício da Marinha , na baixa, o Instituto hidrográfrico e o que resta da gloriosa Marinha Portuguesa, já desfeita ...sobretudo a dignidade dos Militares

5 comentários:

Anónimo disse...

Verificada a vantagem de não ser necessário gastar dinheiro em fardas, o GT que a seguir será nomeado irá seleccionar os almirantes a destacar e nomear como porteiros dos hotéis de cinco estrelas que daí resultarem. (Para os outros - de três ou quatro estrelas - quaisquer CTEN's servem.)

Afinal, não só as fardas "disfarçam" muito bem como também, provavelmente, acabam por sacar mais dinheiro por mês (ordenado + gorgetas) do que o vencimento que presentemente recebem!...

Fica ainda por decidir se quem fôr assim colocado poderá ou não acumular o vencimento com o que os hotéis venham a pagar pois, caso a acumulação não seja autorizada, constituirá mais um "alívio" para o orçamento do MD.

Anónimo disse...

Acho graça à etiqueta

Anónimo disse...

Diário da República, 2.ª série — N.º 28 — 8 de fevereiro de 2013

Despacho n.º 2278/2013

http://dre.pt/pdf2sdip/2013/02/028000000/0587905880.pdf

Crocodilo disse...

Um dos muitos aspectos que me impressionou na base naval de Norfolk (Virginia, EUA) foi a enorme quantidade de turistas (algumas centenas por dia)que visitavam a base, dispondo para isso de um serviço perfeitamente organizado. Outras mentalidades, outras forma de obter fundos...

Manel disse...

Acrescento as Estações Radio Navais