Google+ Followers

Google+ Followers

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

BRAVÔ

Quatro efectivos da PSP, entre eles Tito Fernandes (ex-aluno do Colégio Militar,) ao serviço da missão das Nações Unidas no Chade foram distinguidos, esta quarta-feira, em Djamena, pela organização, ao fim de seis meses em funções no país africano.

Numa cerimónia ao fim da tarde na sede da missão da ONU (MINURCAT), na capital do Chade, foram distinguidos com a medalha de mérito das Nações Unidas o subintendente António Jesus, o comissário Tito Fernandes, o chefe Silva Castro e o subchefe Luís Barbaroxa.
As medalhas foram entregues pelo comandante do contingente da polícia da MINURCAT, o guineense Mamadou Montaga Diallo, que destacou o contributo de Portugal, e dos elementos da PSP em concreto, para a manutenção da paz no Chade. 
À cerimónia assistiram o chefe da MINURCAT, o português Vítor Ângelo, e o ministro português dos Negócios Estrangeiros, Luís Amado, que iniciou uma visita de dois dias ao país.

De:newsletter da AAACM

Sem comentários: