Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

SINISTRO

Há cerca de 1,25 milhões de portugueses que são eleitores-fantasma no País. São falecidos que ainda não foram eliminados nas listas das freguesias ou emigrantes que mantêm o local de voto em Portugal apesar de se encontrarem no estrangeiro. As contas, com base no INE, foram feitas por Jorge de Sá, director da Aximage.



Por curiosidade fui consultar no PORDATA os números da população residente por grupo etário referidos a 31DEZ2009 ( última actualização)  e cheguei ao seguinte total de maiores de 18 anos : 8.780.612
Depois fui ao site da Comissão Nacional de Eleições e encontrei o seguinte total de eleitores inscritos no recenseamento eleitoral referidos também a 31DEZ2009 (apenas continente e ilhas) : 9.371.653
  Será que estamos a falar do mesmo país? Ou teremos mais de meio milhão de eleitores fantasma impossibilitados de se deslocar dos cemitérios onde jazem até às mesas de voto?
  Estes são os números a que eu cheguei numa grosseira pesquiza,mas tenho conhecimento dum estudo, salvo erro da Universidade do Minho, que chegou a uma taxa de abstenção técnica da ordem dos 10%. ( cerca de 850.000 eleitores fantasma ! )
  A que se deverá esta inacreditável desactualização dos cadernos eleitorais? Será apenas mais um fruto podre do habitual desleixo/incompetência das administrações autárquicas ?  Não, neste caso muito pior, pois trata-se de mais uma trafulhice ! É que os números de deputados à AR por círculo eleitoral , das assembleias municipais e de freguesia, bem como as transferências orçamentais para as autarquias são estipulados em função do número de eleitores recenseados... E portanto esta desactualização  é muito conveniente a todos os partidos que assim, em disfarçado conluio, dão emprego a mais uns tantos clientes à custa do contribuinte,e agravando a despesa pública. E neste caso, até  depois de morto o contribuinte serve para estes vampiros sacarem mais algum!
  Qual será o papel da Comissão Nacional de Eleições no meio disto tudo? Provavelmente "não tem nada a ver isto", tal como não teve  nada a ver com a  bronca do passado domingo de eleições, como se pode constatar pelo seu patético comunicado  que, hoje 25JAN , excretou no respectivo site...

  
  Aurélio Corbal
 General piloto aviador-ex-CEMFA




--

1 comentário: