Google+ Followers

Google+ Followers

quinta-feira, 10 de maio de 2012

CADA UM .......


Concordo com Mário Soares, aliás penso que ele está pujante e no seu melhor. Há que tirar claramente ilações do que se passou em França e principalmente na Grécia", afirmou.
O antigo Presidente da República Mário Soares defendeu, em entrevista publicada terça-feira no jornal i, que o caminho certo para o PS e para o socialismo europeu é cortar com o programa da 'troika' constituída pelo Banco Central Europeu, o FMI e a Comissão Europeia.
"Acho que é esse o caminho. A austeridade, tal como a definem, não tem sentido", afirma Mário Soares, considerando que a obrigação já foi assumida há um ano, mas que "chegou ao fim".
Vasco Lourenço, que falava à Agência Lusa à margem das II Jornadas de Ciência Política no ISCTE-IUL, Lisboa, considerou que o programa de assistência económica e financeira "não está a ser cumprido porque o Governo está a sair muito além do que está previsto no acordo".
"E vê-se os resultados que está a dar. O PS devia, de uma forma bem clara, demarcar-se e romper de facto com este tipo de acordo", considerou

1 comentário:

Anónimo disse...

Não sou um fã do Soares, mas reconheço que o homem é um sábio e está cheio de razão. Esta gente - troika e governo - estão a destruir o nosso país e a semear a pobreza e o desânimo.