Google+ Followers

Google+ Followers

quinta-feira, 1 de março de 2012

UM PROBLEMA

As Forças Armadas são um problema para os políticos.
Num universo de cerca de 150000 homens as "perigosas" associações representarão mais ou menos:
AOFA     1500
Sargentos 2000
Praças      1800
ASMIR    1000

total          6300.......!!!!!!, portanto o ministro que se acalme.

Mas a Troika determinou, e o PS e o PSD aceitaram dos cerca de 40000 militares no activo , reduzir 4000 e também aceitaram reduzir em 10% as despesas das Forças Armadas.

Quem se trama , naturalmente que não são os Partidos, não é o Ministro , mas é o País e as suas Forças Armadas.

Mais importante que a "condição" militar será a "dignidade" militar.

Mais importante que reestruturar será redimensionar.

Mais importante que mandar é comandar.

Sem comentários: