Google+ Followers

Google+ Followers

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

E VIVA O SOCIALISMO

Defesa dá cargo a ‘girl’ socialista
Gabinete do ministro confirma mudança no cargo em Janeiro. Augusto Santos Silva vai nomear para o cargo de secretária-geral Maria Isabel Pereira Leitão, amiga e apoiante de Marcos Perestrello à FAUL.
O ministro Augusto Santos Silva vai nomear uma ‘girl’ (feminino inglês de ‘boy’) do PS para o cargo de secretária-geral do Ministério da Defesa, uma das funções mais importantes na organização interna deste ministério. Ao que o CM apurou, Maria Isabel Pereira Leitão, amiga e apoiante de Marcos Perestrello na eleição deste ano para a liderança da FAUL – Federação da Área Urbana de Lisboa do Partido Socialista, irá desempenhar o cargo a partir do próximo mês de Janeiro e já se terá mesmo reunido com José de Barros, o actual titular dessa função.
O gabinete do ministro da Defesa confirma que o actual secretário-geral "se aposenta no final de 2010 e será substituído", mas não confirma nem desmente que Maria Isabel Pereira Leitão irá liderar, a partir do próximo mês de Janeiro, a Secretaria-Geral do Ministério da Defesa. A indicação de Maria Isabel Pereira Leitão, que transita de uma entidade tutelada pelo Ministério da Agricultura, para exercer este alto cargo foi proposta a Augusto Santos Silva, segundo fontes conhecedoras do processo, pelo próprio secretário de Estado da Defesa.
Marcos Perestrello tem relações próximas com a família Pereira Leitão: no primeiro Governo de José Sócrates, o actual governante e presidente da FAUL integrou o gabinete do então secretário de Estado da Administração Interna, Ascenso Simões, com o coronel do Exército Joaquim de Sousa Pereira Leitão, marido de Maria Isabel e actual comandante do Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa. Perestrello chefiava o gabinete de Ascenso Simões, e Pereira Leitão era responsável pela realização de estudos e acompanhamento do Plano Nacional de Defesa da Floresta Contra Incêndios, como refere o seu currículo. É também na área das florestas que Maria Isabel Pereira Leitão exerceu funções públicas no último ano: desde 1 de Dezembro de 2009, esta técnica superior, que é licenciada em Economia, ocupa a vice-presidência da Autoridade Florestal Nacional do Ministério da Agricultura. Foi nomeada por António Serrano, ministro da Agricultura.
CORTE DE VERBAS SUPERIOR A 69 MILHÕES DE EUROS
Os gabinetes dos membros do Governo e os Serviços Centrais de Suporte (SCS) vão ter um corte acima de 69 milhões de euros no orçamento para 2011. Só nas despesas com pessoal, a redução orçamental ultrapassa os 14,5 milhões de euros, ao ter uma quebra de 100 milhões de euros para 85,5 milhões de euros.
Ao todo, a verba orçamentada para o funcionamento dos gabinetes e do SCS ascende a 440,8 milhões de euros, uma diminuição superior a 69 milhões de euros em relação aos cerca de 510 milhões de euros orçamentados para este ano.
António Sérgio Azenha

Sem comentários: