Google+ Followers

Google+ Followers

terça-feira, 27 de novembro de 2012

POIS É

“…Se fosse rei uma semana, afianço-lhes  que mondava Portugal. Uma fogueira em cada outeiro para os ministros, os juízes, os escrivães e os doutores de má morte. Para estes decretava ainda cova bem funda, com obrigação de cada homem honrado lhes pôr um matacão em cima. Uma choldra de ladrões!...
…Raios partam o Governo mailos os governados, raios partam tanto tributo com qua a gente de bem tem de ustir para andar aí meia dúzia  de figurões, de costa direita, mais farófias  que pitos calçudos! Raios partam! O governo é um corpo da guarda que nos defende ou é a quadrilha do olho vivo que não faz senão roubar?...”
Aquilino Ribeiro,  “O Malhadinhas”, Lisboa, 1922  
Nota: Em 1922 houve 3 Ministérios, todos presididos pelo Engº António Maria da Silva

Sem comentários: