Google+ Followers

Google+ Followers

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

LIBERDADE

Por iniciativa da bancada do CDS-PP, a Assembleia Municipal da Amadora aprovou ontem um voto de congratulação pelo 25 de Novembro de 1975.

O documento, aprovado por larga maioria, saúda o 35º aniversário do 25 de Novembro, prestando homenagem aos seus autores e manifestando congratulação pelo triunfo dos valores da democracia e da liberdade. É realçada “a acção determinada e corajosa dos militares que fizeram o 25 de Novembro, entre os quais se destaca o papel desempenhado pelo Regimento de Comandos”.

A aprovação deste voto na Assembleia Municipal da Amadora reveste-se de particular simbolismo, pois foi nesta cidade que os militares instalaram o posto de comando das operações de 25 de Novembro e foi da Amadora que saíram as forças que tomaram as unidades dominadas pelos golpistas de extrema-esquerda.

No texto agora aprovado, pode ler-se que aquela data foi “um marco decisivo para o triunfo da liberdade e para a consolidação do regime democrático português, cuja relevância histórica importa preservar”, acrescentando-se que nesse dia “foram definitivamente travadas as forças totalitárias que procuravam desvirtuar o espírito libertador do 25 de Abril, tentando instaurar em Portugal uma ditadura de inspiração soviética”.

O voto do CDS-PP relembra “o PREC, o Verão Quente, as ocupações selvagens, as nacionalizações e o cerco à Assembleia Constituinte, memórias que embora longínquas não podem deixar de lembrar o quão perto Portugal esteve do abismo”.

Sem comentários: